A visão dos cães

É VERDADE QUE OS CÃES SÓ ENXERGAM EM PRÊTO E BRANCO?

VISÃO DOS CÃES, COMO ELES ENXERGAM?

Não é bem assim. Os cães tem a capacidade de ver cores sim, mas não da mesma maneira que nós. Se você for brincar com um ‘amicão’ em um gramado verdinho, ele localizará com maior facilidade uma bolinha azul do que uma bolinha vermelha, já que ele não consegue diferenciar o vermelho do verde, que também é a cor da grama.

Para os cães as cores verde, amarelo, laranja e vermelho não tem diferença nenhuma. Por isso, por exemplo, para eles o semáforo não mudaria nunca, pois vêem da mesma maneira o verde, amarelo e vermelho.

As cores que seu ‘amicão’ enxergam são o violeta, azul e verde.

Em compensação nossos cães tem uma visão noturna muito boa, também enxergam uma gama enorme de tons de cinza, e tem uma excelente taxa de percepção de movimentos, o que o deixa em vantagem no mundo animal para a caça e guarda.

CURIOSIDADES

• O sistema de olfato dos cães é muito melhor que o nosso. É uma espécie de fonte de informação para eles. Os cachorros possuem cerca de 200 milhões de receptores para odores, enquanto os humanos possuem apenas 5 milhões.

• Quanto à audição, eles conseguem ouvir um som a uma distância quatro vezes maior do que somos capazes. Com a ajuda de suas orelhas direcionáveis, eles conseguem captar com precisão a direção da origem do som em apenas seis centésimos de segundo. Os cães captam sons além da nossa frequência. Os humanos ouvem frequências entre 16 e 20.000 Hz, enquanto os cachorros podem ouvir entre 10 e 40.000 Hz.

• Pode parecer estranho, mas na região do ânus dos cães há uma glândula de cheiro que identifica cada animal, como uma espécie de impressão digital para os humanos. São esses odores que fornecem informações sobre o bicho. Quando um cão quer mostrar autoridade, levanta o rabo como se tivesse orgulho do cheiro do seu ânus. Já um animal submisso age de forma inversa, escondendo a sua cauda.

• A cauda erguida é um sinal de dominância. Significa que é o cão e o líder da matilha

• É mais provável que o cão ataque um estranho que está correndo do que um que esteja parado.

• Os cães suam através das patas e do focinho

• Chocolates e cães não combinam! Um ingrediente do chocolate, a teobromina, estimula o sistema nervoso central e o músculo cardíaco. Cerca de 1 kg de chocolate de leite, ou apenas 146 gramas de chocolate de culinária podem matar um cão de 22 kg.

• A fama de salvador de viajantes ostentada pelos cães São Bernardo surgiu na Suíça, em meados do século XVIII. Em Valais, na Pousada do Grande São Bernardo, os monges começaram a treinar os cães, inicialmente como auxiliares em trabalhos domésticos. O tempo foi passando e os cãezinhos foram também ensinados a guiar os viajantes que passavam pelas redondezas, além de ir buscar vítimas de avalanches que pudessem estar soterradas vivas na fria região da Pousada, o desfiladeiro do Grande São Bernardo. Apesar de serem realmente cães de salvamento nunca levaram, amarrado ao pescoço, o barril com álcool visto nas ilustrações e desenhos animados.

• Os cães comem relva para vomitar quando têm dor de estômago